Skydiving… no Espaço???

Bem, ao menos é o que a companhia Orbital Outfitters pretendia (pretende) lançar, segundo li em matéria da revista Galileu (agosto de 2007).

No período em questão eu não me interessei muito, mas agora, decidi refolhear a revista a fim de pegar alguns dados e procurar algo sobre o “novo esporte” para discutir aqui (eu também gosto de esportes – levantamento de garfo e corrida até o ônibus atrasado com uma barra de chocolates são meus favoritos 😀 ).

Mergulhar a uma altura de mais de 100 km (para quem não sabe e quiser comparar, o skydiving hoje é praticado a uma altura de 3000 a 4900 metros)??? Isso realmente é interessante!

Decidi então pesquisar na Internet sobre essa invenção da Orbital Outfitters: o spacediving (e, de quebra, atualizei-me quanto ao skydiving).

Bem, se você tem medo de altura e é do tipo que sente arrepios só de pensar em roda gigante, o skydiving para você deve parecer tentativa de suicídio. O jumper atinge uma velocidade de 200 km/h em queda livre, abrindo o pára-quedas em uma distância por volta de 750 metros. Abaixo, foto de um salto duplo:

Imagem de um salto duplo de skydiving

Certo… Após muita sessão terapêutica você consegue enfrentar seus temores e vai lá também gritar “Jerônimo” nessa “quedinha”.

Aí eis que você descobre que um tal Joe Kittinger, em 1960 e usando um balão de hélio, decidiu saltar de uma altura de 30 km (sim, ele mantém ainda seu recorde). Isto sim é que é “dar um pulinho”! Quer saber qual seria a sensação de um pulo desta altura?

O salto de Joe Kittinger

E, por fim, após um tratamento de choque para recuperá-lo de sua visão quase apocalíptica, eis que o convidamos para o esporte da Orbital, o spacediving. A uma altura de 100 km você se encontrará no vácuo, sob a ação de forte variação de temperatura e sem oxigênio, portanto a vestimenta deve estar bem preparada para a alta velocidade (o jumper atinge a velocidade máxima de 4000 km/h!), variações de temperatura (a criação da Orbital Outfitters suporta de -40º a 240º C) e devidamente equipada para facilitar a respiração em um ambiente tão inóspito.

Segundo a companhia, a uma altura dessas, a visão da terra e do espaço que o jumper seria mais ou menos como esta (desconsidere o equipamento cheio de propagandas 😛 ):

Uma visão da Terra segundo o space diver

Procurei em vários lugares e a melhor imagem sobre a roupa que a Orbital Outfitter desenvolveu é esta (extraída da revista Galileu):

Roupa do space diver

Por favor, desconsiderem a péssima qualidade da imagem – eu, como fotógrafo, sou um excelente programador. ^^

O mundo é realmente fascinante e com certeza ainda há muitas coisas por vir.

Quem quiser saber mais sobre esse novo esporte que ainda está por nascer, pode procurar pela Galileu que indiquei (eu cacei na Internet, mas encontrei muito pouca coisa realmente válida 🙁 ).

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Quer receber dicas sobre como ganhar dinheiro em seu e-mail e "de quebra" baixar o e-book "Manual do Investidor"?

E-mail:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Email
Print