Investimentos em ações da Petrobrás: Valem a pena?


O preço das ações da Petrobrás já se encontra muito abaixo daquele praticado há alguns anos atrás. E todos nós sabemos quais são as diversas causas, a maioria delas de ordem política, mas como não estamos aqui para falar a respeito de governo e sim de investimentos, vamos focar no que realmente importa: esse é o momento certo para investir em ações da Petrobrás? E vale a pena investir nela?


Considerando-se o histórico da empresa, vale a pena investir na mesma, afinal de contas trata-se de uma empresa de grande porte com grandes reservas naturais para explorar e que apresenta um histórico de crescimento notável ao longo dos últimos 20 anos. Somando-se a isso o fato de que as ações já perderam cerca de 70% de seu valor, é bem provável que quem compre ações dela hoje tenha um bom retorno financeiro na forma de valorização das mesmas ao longo dos próximos anos.


Entretanto, é importante frisar que não se sabe ainda até onde foram os estragos causados na mesma por má administração, além disso foi rebaixada quanto ao nível de risco de investimento há pouco tempo, o que pode significar novas quedas nos preços das ações. Assim sendo, o melhor neste momento é esperar mais um pouco, pois o preço de suas ações podem cair ainda mais e é importante ter uma visão mais clara de quanto tempo ela precisará para recuperar a valorização de suas ações.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Entendendo o que é Marketing de Afiliados

Se você está interessado em ganhar dinheiro na Internet e já leu alguns artigos por aí, já deve ter se deparado com uma palavra no mínimo diferente: afiliado. No mundo dos negócios online, um afiliado é uma pessoa que divulga e referencia produtos de outras pessoas na web, assim sempre que uma pessoa compra uma daqueles produtos indicados, ele receberá uma comissão.


E muita gente fala sobre esse assunto por aí, basta fazer uma busca por essas palavras no Google Search e você vai encontrar centenas de websites falando como você pode trabalhar como um afiliado. E se você ainda olha para tal palavra com desconfiança e achando que tudo isso é mentira e que não dá para ganhar dinheiro assim, entenda que um afiliado é, de certa forma, um vendedor, pois esta é a missão dele, ajudar a vender aqueles produtos ou serviços por meio de suas indicações – e a profissão de vendedor é mais velha que meu bisavô (que já se foi há muito tempo e eu nem sei quem foi!).


Então, sim, dá para ganhar dinheiro atuando nesse negócio de Marketing de Afiliados, mas você precisa entender que, se você ainda não é muito conhecido ou influente, precisará construir tal imagem na web. Você não compraria um programa de perda de peso caro de uma pessoa que nunca testou nenhum programa para tal finalidade, não é mesmo? Quem visita seu blog, website, canal no YouTube, página no Facebook, mural do Twitter etc. (ufa, muitas são as oportunidades para promoção!) precisa reconhecê-lo como expert naquilo ou, no mínimo, como alguém que também está interessado e experimentou aqueles produtos ou serviços.


Há várias plataformas para afiliados, sendo que a plataforma mais popular no Brasil é a Hotmart. Já para aprender sobre isso, vou lhe ser bem sincero: qualquer PDF gratuito com mais de cinquenta páginas que o ajude nos primeiros passos (como escolher o nicho certo para você, configurar contas em redes sociais e plataformas de blogs, como escrever para vendas, como automatizar algumas tarefas etc.) já está de bom tamanho e por isso você não deveria gastar muito em seus primeiros passos, em vez disso, foque em aprender fazendo, escolhendo alguns produtos, verificando quais plataformas são mais rentáveis etc.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Mercado de trabalho ou negócio próprio?

Não importa se você está começando sua vida profissional agora ou se “o trem já está andando” para você, em algum momento de nossas vidas começamos a nos perguntar qual seria a melhor alternativa, se ter um emprego no mercado de trabalho ou um negócio próprio.

Essa dúvida é bastante pertinente, mas tenha em mente que não há uma resposta objetiva para todos: cada uma dessas opções apresentam vantagens e desvantagens que, de acordo com o perfil do indivíduo, poderá ser uma escolha melhor ou não.

Além disso, elas não são exclusivas, isto é, você não é obrigado a atender somente uma delas. Você pode ter um emprego e, mesmo assim, ter o seu próprio negócio – uma alternativa que está sendo bastante visada por muitas pessoas atualmente.

Quando você consegue um emprego no mercado de trabalho, você passa a ter certos benefícios, como um salário definido a ser recebido mensalmente, auxílios para alimentação, transporte e saúde e certas garantias para o caso de ser demitido sem justa causa. Por outro lado, o crescimento do seu salário – e às vezes o seu próprio crescimento dentro da empresa – poderá não ter a mesma desenvoltura que teria em um negócio próprio bem sucedido.

Quando você opta por seu próprio negócio, por outro lado, você também tem certas vantagens, como ser o seu próprio chefe e ter a possibilidade de lucrar mais conforme seu empreendimento cresce. Por outro lado, você não terá um salário bem definido e estará abrindo mão de todos aqueles benefícios que um emprego lhe oferece.

Se você possui um espírito empreendedor e se vê dominado por uma ideia genial para um empreendimento que será um sucesso, é fácil perceber que ter o seu próprio negócio será uma opção bastante válida para você, mas vale lembrar que para o seu negócio saia do papel e torne-se realidade você precisará ter dinheiro suficiente para arcar com infra-estrutura, material e outras coisas. E isso pode não ser muito barato, dependendo de qual é a sua ideia.

Uma nova combinação que algumas pessoas estão empregando então é ter um emprego e desenvolver um negócio próprio em seu tempo livre, geralmente em sua própria casa. Essa combinação pode ajudar a reduzir os riscos que há em ter o seu próprio negócio na medida em que pode ser um caminho para alcançar novos horizontes em sua vida.

E então, em que você está pensando, amigo leitor? Mercado de trabalho ou negócio próprio? Vamos lá, comente conosco!

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Jogando Warzone Tower Defense Extended

Prontos para mais um review de um jogo? E quando o assunto é jogo nem dá preguiça de falar não é mesmo, como por exemplo hoje, que quero falar sobre o jogo Warzone Tower Defense Extended. Para quem não conhece, trata-se de um jogo do gênero Tower Defense que pode ser jogado por meio de qualquer browser, já que é um jogo desenvolvido em Flash e disponível em muitos sites de jogos online.

O jogo começa com um área bastante ampla vista de cima, aonde se encontra sua base militar. O problema é que as forças inimigas a detectaram e enviaram centenas de unidades móveis para atacá-la. A partir daí, o protagonista dessa história, que é você, deve construir todas as defesas necessárias para evitar que as mesmas destruam a base militar – e já vou avisando que não será uma tarefa nada fácil. Assim, o seu objetivo no jogo é gerenciar os recursos financeiros e usá-los da melhor forma possível para construr a linha de defesa (que, claro, não é somente uma linha, fica espalhada por todo o mapa, mas você já entendeu, não é?).

E se você gosta de jogos com ambientes bem limpos e fáceis de compreender a sua mecânica, é uma excelente escolha, pois o mapa é até mesmo quadriculado, facilitando entender aonde será colocada cada torre e se é possível.

Jogando ele, o que mais gostei foi da possibilidade de colocar as torres dentro da área em que as unidades inimigas se movem, assim, a depender de como coloque tais estruturas de defesa pelo mapa, você definirá a trajetória que o inimigo terrestre precisará percorrer para chegar até a sua base.

Warzone Tower Defense Extended é realmente um bom jogo, principalmente se você busca algo para fazer no intervalo do almoço, ou em casa antes de ir dormir – partidas rápidas e interessantes, garanto.

DICA:
Você pode jogar Warzone Tower Defense Extended no Carmaziel Games!

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

O que é melhor: Blogs ou Vlogs?

Você já deve ter percebido que vivemos em uma era em que os maiores produtores de conteúdo são na verdade os próprios consumidores. Sim, são pessoas como eu e você que, ao mesmo tempo em que buscam aprender mais na web, também deixam suas contribuições nas mais diversas formas. E duas dessas formas de contribuir que ultimamente estão rolando por aí são os blogs e os vlogs. Mas o que serão essas sopas de letrinhas e por que elas têm redefinido a web?

O blog, uma redução das palavras web log, trata-se de toda forma de registro de informações de forma periódica (diariamente, semanalmente ou mesmo ad hoc) que uma pessoa ou empresa pode fazer em um espaço publicado na web. E não são poucas as plataformas, gratuitas e pagas, que facilitam o trabalho de quem quer ser um blogueiro e assim contribuir um pouco mais com a geração de conhecimento digitalizado.

Já o vlog vem da redução das palavras video log e possui papel similar ao blog, mas enquanto o anterior refere-se a todas as formas de registro (e a mais usada lá é a textual), o vlog foca em registros somente no formato de vídeo. E essa restrição apresenta, claro, suas vantagens e desvantagens.

Enquanto blogs podem representar uma forma mais rápida de atualizar informações na web, vlogs estão crescendo cada vez mais, na medida em que o acesso à Internet está mais barato e mais ferramentas para facilitar a criação e publicação de vídeos são oferecidas. Hoje, você pode gravar vídeos com qualidade razoável em qualquer celular, subi-los para o YouTube ou outro canal de distribuição de vídeos e em questão de segundos seus seguidores saberão que há informação nova na área.

Entretanto, vlogs não são perfeitos: ainda não há uma forma automatizada de indexar e “rankear” o conteúdo presente em vídeos, da mesma forma como já acontece com conteúdo em texto, então este é um dos desafios ainda em aberto para facilitar o acesso de todos à informação de qualidade. Mesmo assim, não se torna um grande empecilho, já que vídeos podem se utilizar de antigas técnicas para identificação do assunto tratado que eram antes empregadas nos conteúdos textuais, como as tags e meta tags.

DICA:Está na dúvida de ter um blog ou um vlogw? Pois não fique! Comece um blog, publique alguns textos e vídeos e descubra qual formato mais de encaixa nas suas necessidades de expressão!

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Ser rico ganhando um salário mínimo?

Quem nunca leu em alguma revista ou viu na TV uma matéria sobre alguém que ficou rico ganhando um salário mínimo? Essas histórias, por mais que pareçam inacreditáveis, são plausíveis, sim, entretanto, em um mundo onde a todo momento somos despertados para o consumo, pode ser bem mais difícil do que a televisão ou a revista querem que pensemos que é ficar rico assim, ganhando pouco dinheiro.


Suponhamos que você tente economizar R$ 100 por mês, ao longo de sua vida. Sem caderneta de poupança ou outro tipo de investimento para fazer seu dinheiro crescer. Serão necessários 10.000 meses para alcançar a quantia de um milhão de reais. Quanto é isso em anos? Nada mais nada menos que 833 anos e 4 meses. E aí, vai esperar?


Sim, eu sei, se usar os juros compostos dos investimentos financeiros a seu favor poderá alcançar tal resultado de forma muito mais rápida. Nós mesmos já falamos sobre isso aqui (você pode ler em Como conseguir meu primeiro milhão de reais?), mas o que eu quero apontar aqui é que, ganhando somente um salário mínimo, suas chances de alcançar a mágica quantia de um milhão de reais não são muito grandes – principalmente se você quer aproveitar-se desse dinheiro ainda nessa vida! Sendo assim, a melhor forma de alcançar tal intuito é aliar isso a um plano de progressão em sua carreira.


Com um bom plano de carreira, você pode progredir muito mais rapidamente, aumentar seu salário e assim investir mais visando seu futuro. E, claro, se você quer um dia ter uma aposentadoria tão feliz quanto a de um milionário, precisa planejar e agir ainda hoje!

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Mude suas finanças mudando suas atitudes

Se você precisa transformar sua situação financeira, você pode estar deprimido com o que você não tem atualmente. Em vez de focalizar os aspectos negativos, pode servir-lhe aprender a poupar e começar a melhorar suas finanças imediatamente. Antes que você possa sequer pensar em mudar a maneira de gerenciar suas finanças, você precisa gerenciar a sua atitude para que você não fique muito embrulhado em considerações financeiras e não negligencie outras áreas importantes da sua vida.

Sua saúde física e mental são considerações importantes quando você está tentando melhorar suas finanças. Muitas pessoas ficam estressados olhando para o número de contas que têm que pagar. Esforçam-se mais do que elas são fisicamente capazes, a fim de resolver problemas financeiros. Por exemplo, algumas pessoas podem ter um segundo – ou até mesmo um terceiro – emprego, deixando pouco tempo para a família, enquanto outros se esgotam tentando obter crédito para que eles possam usá-lo para pagar outros empréstimos. Outras pessoas podem gastar todo o seu tempo livre revisando suas contas, lendo sobre a gestão financeira ou procurando opções para poupar dinheiro.

Sair de seu equilíbrio dessa maneira não é saudável tanto física quanto mentalmente. Fisicamente, você vai cansar-se e tornar-se doente – e se você acabar no hospital, você terá mais problemas financeiros além de seus problemas de saúde. Mentalmente, concentrando-se muito sobre as finanças, especialmente se você se concentrar em quanto dinheiro você precisa e não tem, pode deixá-lo sentir-se deprimido e impotente. Você não será capaz de fazer muitas mudanças positivas se você estiver se sentindo para baixo, com raiva ou chateado com sua situação financeira atual.

Tente agendar um horário para as suas atividades de gestão financeira. Limite o seu estudo de suas finanças para os horários programados de modo que você não fique pensando em finanças 24 horas por dia. Isso pode realmente ajudar você a ficar em equilíbrio e evitar sentimentos negativos como a depressão.

Mude suas finanças

Aproxime-se da gestão financeira de uma maneira que você goste. Quanto mais você se concentrar em aspectos negativos, mais você terá pavor de suas sessões de gestão financeira, e isso irá interferir em sua capacidade de resolver problemas financeiros e seguir em frente. Em vez disso, você precisa fazer tornar divertida a hora da gestão financeira. Permita-se algum tempo para sonhar com uma vida financeira mais estável. Pense em seus objetivos financeiros e no que você vai fazer com o dinheiro extra que você começará a economizar.

Em um nível mais prático, a melhor maneira de manter-se motivado para melhorar suas finanças é a criação de uma conta de recompensas para si mesmo. Recompense-se toda vez que receber um salário, depositando R$ 20,00 a R$ 50,00 nessa conta. Faça isso antes de fazer qualquer outra coisa para que você possa manter-se motivado. Você pode querer usar esse “dinheiro-recompensa” para comprar um pequeno presente de vez em quando, em vez de poupar para recompensas maiores o tempo todo.

Há uma abundância de coisas práticas que você pode fazer para melhorar suas finanças, mas nenhuma delas vai ajudá-lo até você mudar sua atitude. Aproxime-se das suas finanças com um ambiente descontraído, uma mente mais aberta e logo você estará ansioso para experimentar novas ideias e criar mais prosperidade para si mesmo.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

A evolução habitual para alcançar seus objetivos

As pessoas podem ser bem-sucedidas ou falhar em seus objetivos, simplesmente porque não adotaram os hábitos adequados que os tornassem vencedores. Você pode alcançar êxito em sua vida e objetivos, independentemente dos tipos de desafios, desde que tenha um modelo mental e atitude coerentes. Comece a criar hábitos saudáveis para uma vida de conquistas que você pode se orgulhar.



Motivação importa



A motivação é o primeiro passo para iniciar sua jornada em direção ao seu objetivo, bem como a certeza de cumpri-lo, não importa o quê. A melhor pessoa que pode motivá-lo deve ser você mesmo. Sempre se imagine como uma pessoa forte, capaz e obstinada, que pode conseguir qualquer coisa contanto que você coloque bastante tempo, trabalho e coração nisso.



Você também pode encontrar um sistema de apoio que pode motivá-lo, caso se perca no trajeto. Algumas das melhores pessoas compreendem sua família, seu melhor amigo, seu cônjuge e seus filhos. Ter um parceiro pode ajudar muito para que vocês possam tanto inspirar e empurrar um ao outro, quando não está se sentindo bem ou lhe falta incentivo.



Progresso e Revisão



Estabeleça horários para verificar o seu progresso, utilizando um sistema de calendário. Você também pode incluir ferramentas como uma lista manuscrita, um PDA/smartphone ou um planner diário. Ao estabelecer metas, você precisa ser específico e incluir prazos para cada objetivo e meta. Você precisa desenvolver o plano ao longo do tempo e rever os itens cuidadosamente. Alguns itens terão que ser revistos mais tarde, como você vai logo perceber. A coisa mais importante é que você “permanece na pista” e não perde a coragem e motivação.



Os progressos devem ser revistos regularmente. Você pode contratar um treinador ou conversar com um profissional on-line para ajudar você a analisar as coisas que podem estar impedindo o seu progresso. Verifique os itens que parecem estar adiados ou bagunçados, em seguida, analise os possíveis fatores afetivos. É importante rever o seu desejo e paixão pelo seu objetivo a cada momento, de modo que você possa sempre encontrar as pessoas e os recursos certos que o colocará de volta nos trilhos.



Tentar e Errar



É preciso tempo e prática para desenvolver bons hábitos para se tornar bem-sucedido e alcançar seus objetivos de cada vez. Algumas das coisas que você precisa para a prática são a disciplina e a paciência. A disciplina envolve abrir mão de alguns prazeres para obter um resultado mais permanente no final. Por exemplo, você tem que dar o bolo para a sobremesa ou comer deliciosas refeições fast food, só assim você poderá desfrutar dos benefícios de ter um corpo magro e bonito no verão. Definir um cronograma para desenvolver hábitos também é uma boa ideia. Você vai descobrir que seus hábitos tornam-se mais coerente com a prática constante.



Otimismo paga



Crie o hábito de ser otimista em todos os momentos, também, de modo que você possa extrair energia positiva dos outros ao seu redor. Dessa forma, você consegue encontrar um monte de extra ajuda, apoio e sugestões que levarão à sua meta principal. Mesmo se você se deparar com algumas dificuldades, tente ser positivo em tudo que você faz. Levante-se após cada queda e busque tornar-se melhor da próxima vez. A experiência é a melhor professora, assim, aprender e repetir. Seja positivo e obtenha resultados para toda a vida.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Como Atingir Suas Metas Imediatamente

Algumas pessoas podem pensar que as metas têm um prazo definitivo para concretizar. Em parte, isso é verdade, mas certamente existem maneiras de como você pode acelerar o processo. Você pode conseguir mais coisas grandes, concentrando-se no trabalho atual e começando-o a fazer, sem qualquer compromisso. Aqui estão algumas orientações dos especialistas que você pode usar para si mesmo.



Primeiro Passo: formar uma equipe



As coisas podem ser realizadas muito mais rapidamente se você confiar em outras pessoas e atribuir tarefas em conformidade. Ao formar uma equipe, é importante que você escolha os indivíduos a quem você possa confiar e serão verdadeiramente competentes naquilo que lhes for atribuído. As equipes precisam ser vigiadas para garantir que você obtenha os resultados desejados. Você também pode criar uma hierarquia ou criar pares para que um possa olhar para o outro, assim poupando tempo na revisão do trabalho.



Formar uma equipe lhe dá a vantagem de praticar suas habilidades de liderança. Você vai descobrir que, mais tarde, você também terá de concluir as tarefas mais rapidamente sozinho, já que você já criou um sistema eficaz que irá proporcionar um melhor fluxo de vários trabalhos. Certifique-se também de ter um número adequado de pessoas para o trabalho, ou então corre o risco de ter muitos para vigiar, perdendo um tempo precioso no processo.



Segundo passo: Encontrar Atalhos



Alguns objetivos realmente têm atalhos que você pode usar para chegar mais rapidamente. Estas não são soluções rápidas, mas podem ajudar todo o sistema a responder de maneira mais favorável, assim, impulsionando o processo. Por exemplo, não existem atalhos para perda de peso permanente, mas você pode adotar algumas técnicas que irão acelerar a perda de gordura. Algumas das abordagens incluem o uso de HIIT e o treinamento de físico de alta intensidade, ao invés do tradicional exercício cardiovascular. HIIT é feito apenas em 20 minutos com subtâncias, e queima mais gordura e aumenta o seu metabolismo mais elevado e por longos períodos de tempo. Seu corpo vai reagir ao exercício mais rápido.



Para saber sobre os atalhos, ficar sempre atualizado com as mudanças e a evolução dos programas de tecnologia e profissional. Fique ligado em uma rede de pessoas relacionadas a seus objetivos – participar de fóruns e seminários online é um bom passo aqui. Você também pode falar com os especialistas, assim você pode comparar os processos e determinar se uma determinada abordagem é verdadeiramente eficaz.



Terceiro passo: Horas extras



Coerência, disciplina e dedicação sempre darão resultados mais rápidos e melhores. Se você quer terminar as coisas mais rápido, você pode ter que colocar algumas horas extras e trabalhar mais do que o habitual. A coisa mais importante é que você mantenha os níveis de estresse baixo com relaxamento e dando-lhe tempo suficiente para descansar. Dessa forma, você pode passar para as próximas metas a serem alcançadas. Horas extras devem ser bem planejadas. Você não pode esperar trabalhar com eficácia indo além do seu horário habitual, se você ainda está cansado da noite anterior ou não tem equipamento adequado com que trabalhar.



Prepare-se e faça estratégias com pequenos objetivos e etapas de ações a serem realizadas em sequência. Ter as informações antes de sua jornada extra pode ajudar bastante e poupar muito tempo ocioso. Você também pode pedir a alguém para trabalhar com você durante as horas extras para conseguir mais. Tente incorporar todas as três etapas acima e veja por si mesmo quanto mais você pode impulsionar o processo.

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Quem quer investir em franquias?

2015 será, mais uma vez, o ano para alavancar atividades empreendedoras, principalmente focadas em franquias ou startups. Cada qual possui suas vantagens e desvantagens, mas que tal conversarmos um pouco sobre franquias, suas vantagens e se serve para o seu perfil?


Aliás, primeiro podemos conversar sobre as razões pelas quais as franquias estão crescendo tanto. Trata-se de um modelo de negócio aonde você “compra em uma caixinha bonitinha” diversas informações importantes para o seu sucesso, informações como um plano de negócios, valores necessários para o investimento inicial, a taxa de retorno sobre investimento, descrições dos processos de aquisição de materiais, produção de produtos e prestação de serviços etc. Com tantas informações, o que você realmente precisará é de uma boa quantidade de dinheiro (para adquirir a franquia e levantar o negócio) e disposição para seguir todo o planejamento – o que não deveria ser muito difícil, já que você sabe que aquele é um bom caminho para ganhar dinheiro.


Segundo pesquisas do Grupo Bittencourt, a maior parte dos franqueados estão na faixa de 26 a 35 anos (43%), seguidos por aqueles entre 36 e 45 anos (33%), o que demonstra que pessoas com um perfil mais jovem (e provavelmente mais tolerante a riscos) encontram aqui uma ótima oportunidade para começarem seu próprio negócio e, assim, faturarem muito mais do que poderiam como empregados de terceiros.


Então, se você não quer mais ser empregado de ninguém e possui algum dinheiro no bolso, que tal investigar a possibilidade de ter sua própria franquia? E lembre-se que há facilidades para franquias adquirirem financiamentos, já que são modelos de negócio com maior taxa de lucratividade e sobrevivência no mercado!

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS