Homenagem a todos os pais

Um grande boa noite a todos!

São 2:08 da manhã de quarta-feira de agosto (dia seis, para ser mais exato).

Domingo é dia dos pais e não poderia deixar este dia passar em branco. Uma homenagem é necessária. Mas antes da homenagem, queria falar algo.

Quem de nós nunca discutiu com o pai? Quem nunca ficou chateado, sentindo-se injustiçado? Talvez você estivesse realmente certo, muito provavelmente ele poderia tê-lo compreendido melhor. Mas um erro não muda o fato de que ele é a pessoa que o faz ser quem é.

Possuo colegas que infelizmente possuem pais que deram-lhe as costas, abandonando-os, indo embora. Hoje eles não mais são crianças, lutam pelo que é seu e tenho certeza de que mesmo eles lhes diriam um “obrigado, pai”, mesmo ele não tendo feito muito, mas mesmo o simples fato de tê-los abandonado, de tê-los deixado “se virar”, provando que eles não eram realmente pais, somente um “genitor biológico”, já lhes deram a oportunidade de viver. E a vida não foi fácil para eles, mas eu sei que até esses meus amigos sorriem e eles sabem que é deles que estou falando agora. :)

Não importa quão dura a vida seja, nada justifica o abandono, o “deixar” o outro à sorte. Mas tudo bem, as pessoas superam com a ajuda de amigos até mesmo as maiores montanhas.

E para a sorte de todos, esses são “casos a parte” e não regras. Conheço também pessoas que ficam chateadas, a brigar porque o pai não deixa dirigir o carro dele. E são pessoas que sei que são bastante imaturas, e eu tenho mais é que aplaudir esses pais que dão um puxão de orelha na hora certa.

E há pais que vivem a procurar um motivo para discutir, criar confusão. Oras está ali para lhe estender a mão, oras está somente para reclamar e torcer para dar tudo errado. É, o mundo não é perfeito, nem as pessoas.

Mas mesmo assim, mesmo depois disso tudo, pergunte-se: o que você seria sem seu pai? E o que você seria se ele não existisse?

Às vezes estamos tão fechados em nosso mundo que nem mesmo reparamos se o mundo do outro, o mundo do nosso pai, está com problemas. É nessas horas que me lembro da música “Pais e Filhos”, de Renato Russo: “É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã. Porque se você parar pra pensar na verdade não há”.

Então, aproveite o tempinho que ainda resta e vai correndo preparar alguma “surpresa” para o seu pai ou padrasto (que muitas vezes faz um papel de pai melhor que muito pai por aí!).

Bem, agora, é a hora da surpresa. Quem gosta de Youtube ou assiste vídeos em outros sites já deve conhecer esse vídeo, muitas vezes chamado “o verdadeiro amor de pai” ou “pai herói”. A história é bem simples: um menino paraplégico tinha um sonho difícil de realizar – participar de um ironman. Mas pai que é pai não mede esforços para conseguir ajudar seu filho a realizar seu sonho, não é?

Suor, cansaço, dor… Mas nada fez esse pai desistir de ver o sorriso de seu filho pelo sonho realizado.

Talvez seja eu, mas esse vídeo não me sai da cabeça há umas três semanas (sendo que a última vez que o tinha visto fora em 2006!), desde o dia em que eu me perguntei: até onde um pai iria para ver a felicidade de seu filho?

Bem, e para quem não sabe, meu presente do dia dos pais também vai chegar, “atrasadinho” (como o papai ^^ ), mas vai chegar: é o meu primeiro filho, Dimitri, que deverá nascer em início de setembro. Agradecimentos a Marcelle, a mamãe responsável por me dar esse presente. :)

E tem gente que ainda me pergunta como eu consigo tanta força para trabalhar dia e noite, sacrificando muitas de minhas noites de sono, até mesmo agora, quando todos de minha casa estão dormindo. Quer melhor motivo do que saber que o meu sacrifício ajuda a trazer conforto aos meus?

Boa noite (ou bom dia, dependendo se você está indo dormir ou acordando) a todos e um feliz dia dos pais adiantado! 😉

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Quer receber dicas sobre como ganhar dinheiro em seu e-mail e "de quebra" baixar o e-book "Manual do Investidor"?

E-mail:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Email
Print