Como se comportar em um ambiente profissional hostil

O ambiente profissional é onde a maioria das pessoas passa a maior parte de seu tempo. Quando se sentem realizadas e felizes com o trabalho desempenhado, o tempo parece passar depressa e elas nem sentem que mais um dia se passou. No entanto, quando os profissionais estão insatisfeitos com o local de trabalho, as horas parecem se arrastar, e o funcionário pode apresentar até alguns sintomas de estresse pela situação que está passando. Mas como será que um profissional deve se comportar quando o ambiente é hostil ou desfavorável aos seus interesses?

Analisando o significado de hostilidade

Quando o funcionário sente que seu ambiente profissional é hostil, é preciso identificar que tipo de hostilidade ele está vivenciando. Entre algumas situações profissionais desfavoráveis é possível citar:

  • O funcionário não tem um bom relacionamento como os colegas de trabalho. Em muitas empresas, o ambiente de competitividade favorece a hostilidade e falta de confiança entre as pessoas que trabalham na organização empresarial;
  • Quando o profissional não se dá muito bem com sua chefia imediata, discordando das tarefas diárias que desenvolvem em vários aspectos;
  • Se o funcionário não desenvolve uma tarefa profissional para qual tenha se preparado ao longo dos anos, e considera que o trabalho realizado não é compatível com sua competência pode se sentir desmotivado principalmente se não houver a possibilidade de conseguir uma promoção para outra função que esteja mais adequado as suas pretensões;
  • A questão da remuneração salarial pode também ser um fator que provoque um ambiente profissional hostil aos funcionários que podem se sentir desprestigiados se não conseguirem ter um bom salário que seja compatível com a função desempenhada dentro da organização empresarial.

Sugestões para contornar ambientes hostis nas empresas

De acordo com especialistas na área de recursos humanos, os funcionários que vivenciam uma situação hostil em seu ambiente profissional devem tentar contorná-lo da melhor maneira possível. Somente em último caso, quando realmente a pessoa não está se sentindo bem na empresa, apresentando inclusive sintomas de estresse é que deve pensar na possibilidade de pedir demissão do cargo que está exercendo. Vejamos agora quais a principais sugestões desses experts para auxiliar ao profissional manter seu emprego, mesmo em um ambiente adverso:

  • Se o funcionário estiver trabalhando em um ambiente hostil devido principalmente à falta de confiança entre os colegas ou a alta competitividade profissional, deve tentar se preservar ao máximo de comentários sobre os outros. Quando alguém vier lhe falar sobre a vida pessoal ou a incompetência profissional de algum outro funcionário, ele deve se esquivar desse tipo de conversa o máximo que puder, mantendo sempre um comportamento imparcial;
  • Quando o ambiente hostil é provocado por divergências com a chefia, o funcionário deve entender que em toda empresa existe uma hierarquia que deve ser respeitada. Em casos nos quais o profissional se sentir prejudicado com essa situação restam duas opções: ou pedir demissão, ou então tentar falar com uma gerência superior e expor o problema;
  • Se o profissional se sente desprestigiado em exercer um cargo que não faz jus às suas qualificações, ele deve tentar ser sincero com a gerência e pedir uma nova oportunidade dentro da organização empresarial onde atua, para que seus conhecimentos profissionais possam ser melhor aproveitados.

Por Salete Dias

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS

Quer receber dicas sobre como ganhar dinheiro em seu e-mail e "de quebra" baixar o e-book "Manual do Investidor"?

E-mail:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Email
Print